[ editar artigo]

Existe um esporte ideal para o seu filho?

Existe um esporte ideal para o seu filho?

Muitas mamães e papais querem que seus filhos pratiquem algum esporte desde cedo, mas acabam tendo a mesma dúvida: será que existe uma modalidade ideal? O que precisa ser levado em consideração na hora de tomar essa decisão? Levantamos informações preciosas para te ajudar nessa missão!

Existe um momento certo para introduzir os esportes na vida do meu filho?

De maneira geral as atividades físicas começam na hora que a criança sai da maternidade. Tomadas as devidas proporções, as atividades propostas para bebês são muito simples e leves – é basicamente o incentivo à movimentação e à interação com o meio. É à medida que a criança cresce que os movimentos ficam mais complexos. Brincadeiras como o pega-pega podem se somar à iniciação a alguns tipos de esportes a partir dos três anos. Antes disso o pequeno apenas gasta energia de forma lúdica, brincando.

É importante saber que o esporte direcionado para crianças com menos de 6 anos, ainda não tem o sentido de competição. Até essa idade, a criança é muito nova para entender a noção do coletivo.

Como saber qual é o melhor esporte?

A escolha de um esporte é uma tarefa que se deve fazer em conjunto, entre filho e pais. É necessário, sobretudo, respeitar o gosto e o interesse dos pequenos, e nunca obrigá-los que façam algo que não gostem. Mas, como fazer isso? Se o seu filho ainda for pequeno demais para expressar seus próprios interesses, é muito importante que os pais observem o que ele gosta de fazer e como prefere brincar. Atente-se com o que chama a sua atenção, se prefere ficar sozinho, se gosta de silêncio ou música...

Caso ele seja maior, a dica é: respeite a sua personalidade e procure uma atividade que esteja de acordo com o perfil. Veja os exemplos:

  • Crianças mais agitadas (que correm muito) costumam se interessar bastante por futebol, basquete, tênis, vôlei e atletismo.

  • Crianças tímidas normalmente escolhem os esportes mais solitários, como natação, equitação e dança.

  • Crianças que gostam de atividades com contato corporal (lutinhas e pega-pega, por exemplo) vão adorar esportes como judô, jiu-jítsu e caratê.

  • Crianças que adoram música e ritmos podem unir isso ao esporte com a capoeira, balé ou dança, em geral.

  • Crianças perfeccionistas (desenham e colorem muito bem, por exemplo) tendem a preferir esportes individuais para poderem manter melhor o controle das coisas. São mais propensas a se interessar por atletismo, ginástica olímpica e tênis, por exemplo.

E tenha em mente que a infância é a fase de experimentações, de testar, conhecer coisas novas. Então, se o pequeno entrar na natação agora e, no ano que vem, pedir para mudar para o ballet, em vez de recriminar, é importante incentivar. Quanto mais esportes ele conhecer, mais terá como saber do que realmente gosta!

Qual o tempo de atividade ideal?

De acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria, é recomendado que crianças a partir de seis anos acumulem pelo menos 60 minutos de exercício por dia. Claro, há crianças que podem precisar de mais do que isso para esgotar as energias e outras que se mostram sobrecarregadas com menos. O ideal é que os pais estejam sempre em contato com o pediatra. O acompanhamento e a supervisão garantirão a segurança necessária das indicações de cada esporte e da intensidade da prática.

Por que incentivar a prática esportiva desde cedo?

Entre os benefícios, está o aumento da saúde cardiorrespiratória, que ajuda a evitar doenças crônicas não transmissíveis e outras condições que são um bicho-papão, como hipertensão, diabetes e obesidade. A prática também auxilia na socialização e no desenvolvimento de trabalho em equipe, no caso dos esportes coletivos.

Gosta de números? Um estudo publicado no Archives of Pediatrics & Adolescent Medicine avaliou 12 mil crianças de 6 a 18 anos e concluiu que o exercício físico contribui para a cognição, aumentando o aporte de sangue e oxigênio ao cérebro, diminuindo o stress, melhorando o humor e a concentração. Quem não gosta de ver o filho de bem com a vida?

Qual esporte o seu filho pratica? Ele demorou para escolher essa modalidade ou foi amor à primeira aula? Conta pra gente! Faça parte da nossa Comunidade! A Alô Bebê quer ouvir a sua história!

Comunidade Alô Bebê
Alô Bebê
Alô Bebê Seguir

Redação - Alô Bebê

Ler matéria completa
Indicados para você